Como preparar-se para uma cirurgia oral

Cadeira de dentista

Quer seja uma cirurgia oral de rotina ou uma cirurgia oral mais complexa, ambas requerem uma preparação prévia. Desde tirar todas as dúvidas que possa ter com o seu dentista, até saber o que pode ou não comer e como se irá sentir no final da cirurgia oral – prepare-se!

Doutor, tenho dúvidas…

Uma cirurgia oral é sempre precedida por, pelo menos, uma consulta dentária, se não mais. Quer vá tirar um dente do siso ou colocar um implante dentário, é natural que surgem dúvidas, medos ou ansiedade relativamente a essa cirurgia oral. Aproveite a consulta imediatamente antes da cirurgia oral para fazer todas as questões que tem e esclarecer todas as dúvidas com o seu médico dentista. Não pense que o estará a incomodar ou que ele pensará que as suas dúvidas são infundadas – muito pelo contrário, os dentistas estão habituados a responder a questões e a preparar os seus pacientes para todo o tipo de cirurgia oral.

Comer ou não antes de uma cirurgia oral?

Se vai submeter-se a uma cirurgia oral recomenda-se que não beba nem coma nada nas horas que antecedem diretamente a cirurgia. Se puder ingerir alimentos antes da cirurgia oral opte sempre por uma refeição ligeira. Evite a toma de medicamentos, o consumo de álcool e o tabaco até cerca de 12 horas antes de realizar qualquer cirurgia oral. Informe-se detalhadamente com o seu médico dentista relativamente a este assunto, uma vez que as cirurgias orais podem variar consideravelmente.

Lavar os dentes antes de uma cirurgia oral: sim ou não?

Por norma, lavamos sempre os dentes antes de uma consulta no dentista, por isso, é normal e aceitável que se lave os dentes e até se passe o fio dental antes de uma cirurgia oral. Se por qualquer motivo não conseguir lavar os dentes antes de entrar para o consultório do dentista, não há problema, mas pode pelo menos trincar uma chiclete durante alguns minutos para refrescar o hálito.

Vá acompanhado

Uma cirurgia oral tanto pode requerer uma anestesia forte como uma anestesia local mais suave, mas como cada caso é um caso, é difícil prever qual o estado de um paciente no final de uma cirurgia oral. Nesse sentido, recomenda-se que vá acompanhado à consulta ou pelo menos que no final da mesma possa contar com alguém para ir à farmácia levantar os medicamentos que possa necessitar e, claro, levá-lo a casa.

As distrações podem ser bem-vindas

A fobia aos dentistas é muito comum e uma das melhores formas de evitar o medo do dentista e, neste caso específico de uma cirurgia oral, é ir munido com distrações que vão tornar a experiência muito mais suportável. Se não gosta do barulho dos equipamentos dentários, leve um MP3 ou iPod e distraia-se durante a cirurgia oral com a sua música preferida. Se a sua maior fonte de ansiedade são as luzes brancas colocadas diretamente por cima de si, coloque uns óculos de sol durante a cirurgia oral para bloquear a intensidade da luz e ajudá-lo a relaxar.

Outras dicas úteis

Quando se vestir no dia da cirurgia oral, opte por roupa confortável, prática e fácil de remover uma vez em casa. Para além disso, evite usar joalharia e/ou bijutaria, uma vez que o mais certo é ter de a remover antes da cirurgia em si. As mulheres também devem evitar a maquilhagem no rosto, uma vez que esta pode ser “danificada” durante a cirurgia oral. Para quem utiliza lentes de contacto, recomenda-se que leve óculos no dia da cirurgia oral, uma vez que ao passar grande parte do tempo com os olhos fechados, poderá secar as lentes de contacto e sentir-se desconfortável.

Cuidados pós-cirúrgicos

No final da cirurgia oral, o dentista irá dizer-lhe como correu e o que terá de ser feito a seguir, nomeadamente em termos de recuperação. Preste atenção às recomendações do médico no que toca aos cuidados pós-cirúrgicos e se não se sentir em condições para absorver toda essa informação, peça que chamem a pessoa que o acompanhou. Para além da lista de medicamentos a tomar e durante quanto tempo, o mais certo é marcar já a próxima consulta para avaliar a recuperação. Em casa, respeite os cuidados pós-cirúrgicos delineados pelo dentista: tome os medicamentos indicados às horas certas; evite alimentos picantes ou ácidos, optando por comida mole e que não necessita de muito esforço em termos de mastigar; lave os dentes/boca apenas da forma indicada pelo dentista; não fume nas 24 a 48 horas a seguir à cirurgia oral. Se a qualquer momento sentir algo fora do normal ou que a recuperação não está a decorrer como prevista, não hesite em contactar o seu dentista.

A sua votação: 
Average: 5 (1 voto)